Skip to content

é mentira que eu tentei, estou adorando insistir!

21 de março de 2009

Existe pecado maior  que dizer que está errado um coração? Se o vento soprasse em sua alma, dizendo que aquele era o coração que lhe faria feliz, você o deixaria ir embora? Se uma estrela desistisse de morrer para assistir esses dois corações viverem, você deixaria ele ir?

O mundo proibiu que um coração escute o batimento do outro, ordenou que o matassem se não fingir que não escutou.

O mundo ordenou que eles se olhassem, e sentissem vontade um do outro.

O mundo ordenou que eles se conhecessem, e se apaixonassem.

O mundo me fez prometer que ele nunca me sentirá.

O mundo me fez prometer que ele morrerá sem me ouvir.

– As palavras rolavam entre os meus olhos, não era possível negar, não parecia justo. Não tentei dizer que não, nunca disse que sim. Restaram olhares inacabados, sempre interrompidos pela falta de romantismo do mundo. Ainda me lembro daquele olhar, um olhar que se arriscava me decifrando como decifrava, descobrindo os meus segredos e provocando desejos, um olhar que nunca terminou, mas também nunca começou, um olhar que me beijou a alma e se perder em minhas lembranças, elas tentam me contar como o homem era, mas só o seu olhar me vem a cabeça…

O mundo me fez prometer que eu iria esquecer.

E eu fiz o mundo se lembrar que: Eu não faço parte dele!

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: