Skip to content

cheiro

17 de maio de 2009

Cheguei em casa. Liguei o chuveiro, bem quente. Tirei a camiseta. Nela, senti um cheiro tão peculiar. Era o meu cheiro misturado com o seu. Sorri ao me dar conta que seu cheiro não tomava apenas minha camiseta: tomava meu cabelo, minha pele, toda eu.

Não cheguei a pensar que eu seria feliz um dia sendo piegas. Mas nós o somos. Deliciosamente piegas. Sempre pensei que eu fosse o tipo de garota que gosta de enfrentar os dias frios na rua, andando pela avenida sob pesados casacos, sendo parte de todo aquele movimento, e que rejeita o romantismo tradicional dos casaizinhos clichês. E não uma garota que se protege sob as cobertas, vendo filmes açucarados (eu disse pra pegarmos O Poderoso Chefão, não disse?), de mãos dadinhas, abraçada, recebendo beijos.

Ainda bem que nossos “eus” nos surpreendem. Eu não ia querer um momento piegas com mais ninguém.

E é. Descobri que o melhor perfume pra mim é você. [/clichê]

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: